Em um documentário estrelado por Michelle Rodriguez, a estrela da franquia Velozes e Furiosos fez confissões emocionantes sobre seu período de luto pela morte do colega de elenco Paul Walker, em dezembro de 2013.

“Quando eu perdi Paul, eu passei um ano vivendo como um animal, me questionando sobre o que eu poderia, fisicamente, fazer para tirar minha mente disso do existencialismo”, diz a atriz em cena de “The Reality of Truth”, divulgada pelo TMZ. “Esquecer como o quão transiente a vida é e como nós estamos aqui e simplesmente podemos desaparecer a qualquer momento. Como eu poderia tirar minha mente disso?”.

Ainda segundo Rodriguez, ela ficou “louca e furiosa” com a perda do amigo e recorreu ao uso de substâncias psicodélicas, como o chá de Ayahuasca, para esquecer a dor.


“Eu fiz tudo o que eu poderia fazer para me esconder de mim mesma e confesso que a minha alucinação por causa do Ayahuasca me fez ficar triste por ele ter me deixado aqui. Mas não foi tristeza por ele ter ido embora, é mais como se fosse inveja por ele ter ido primeiro”, desabafou.

No documentário, Michelle Rodriguez se junta ao apresentador Mike “Zappy” Zapolin para explorar “a relação entre espiritualidade, religião e psicodélicos” durante uma visita ao Peru. De acordo com ela, o uso de Ayahuasca lhe trouxe “a destruição de tudo o que já conheci”.

Veja o trailer de The Reality of Truth:

https://youtu.be/1XK7MU2P7dY

Atriz de Velozes e Furiosos dirige Jaguar a mais de 321 km/h; veja

Michelle Rodriguez começa a rodar na metade deste mês Velozes e Furiosos 8 ao lado de Vin Diesel, Dwayne Johnson e outros astros da franquia – saiba mais.

Velozes e Furiosos 8 inaugura a nova trilogia em 14 de abril de 2017.