O ator Idris Elba confessou que a morte do pai foi um baque muito grande para seu psicológico em entrevista à Esquire. O pai do ator morreu em 2013, aos 72 anos, após batalha contra o câncer de pulmão.

“Ele era muito novo. Ele tinha tanta vida dentro dele. Ele queria muitas outras coisas da vida ainda. Ele não teve a chance de ter nada disso”, comentou.

“Eu estava em um lugar na minha cabeça em que não conseguia viver mais. Eu me tornei um robô no meu trabalho. Eu não tenho medo de pular de um carro em chamas para um filme, mas na realidade não consigo correr mais de cem metros. Parecia que estava fora da realidade”.


“Então pensei em um conselho que ele sempre me dava: ‘Não tenha medo de nada. Faça o que quer fazer, mas seja educado, confiante e inteligente sempre'”, contou.