O ator, produtor e agora diretor James Franco atingiu um novo status de fama nos últimos meses, principalmente pela produção, direção e atuação no filme Artista do Desastre, adaptação do livro homônimo escrito por Greg Sestero, onde conta os bastidores do filme The Room, considerado um dos piores filmes já feitos, que foi roteirizado, dirigido, produzido e estrelado por Tommy Wisseau. O filme depois de um tempo se tornaria cult entre os amantes do cinema.

Mas James resolveu assumir a direção desse filme porque a carreira de ator por 10 anos o deixou frustrado, e que acabou se apaixonado pelo processo colaborativo do filme. Em entrevista ao site Indiewire, Franco diz: “Eu sempre amei filmes desde pequeno, costumava ser um observador deles. Eu não entendia muito bem como funcionavam, pensava que as crianças em ‘Conta Comigo’ e ‘Os Goonies’ nasceram para aquilo e quando fui amadurecendo, percebi que há maneiras diferentes de criar uma história.”

Ele também percebeu que houve outros aspectos na direção que o interessaram e que as suas habilidades como ator não conseguiam encaixar, sendo assim, ele foi a um curso de direção para aprender a contar histórias de posições e ângulos diferentes.


O Artista do Desastre será lançado no dia 25 de janeiro de 2018 no Brasil.