Em entrevista ao Couch Surfing, programa da revista People, Forest Whitaker revelou que já sofreu por conta de personagens que interpretou. O pior deles foi o ditador de Uganda, Idi Amin, em O Último Rei da Escócia (2006).

O papel lhe rendeu o Oscar de melhor atuação, no entanto, Whitaker revelou que ficou por muito tempo com o ditador em sua cabeça.

“Eu comecei a trabalhar no papel meses antes de ir para África e aprender o idioma Kiswahili e entender a história do país”, explicou o ator.


Forest Whitaker estrelará série Godfather of Harlem

Para Whitaker, o trabalho de imersão, de tantos meses, pode ter feito com que ele se sentisse preso ao personagem após ter encerrado o seu trabalho no longa. No entanto, ele contou como fez para sentir-se livre.

“Eu lembro que um dia depois que sabíamos que tínhamos acabado, eu estava tomando um banho e tentando me livrar da voz, eu estava gritando para me fazer sentir livre. Algumas coisas ficaram comigo por um longo tempo. Alguns personagens permanecem por mais tempo”, revelou o astro em entrevista.

Um dos próximos trabalhos de Withaker é o seriado Godfather of Harlem, da ABC.