Jim Carrey usou mais uma vez as redes sociais para expressar críticas políticas. O tema da vez é o fascismo. 

Usando Benito Mussolini, Jim Carrey deu um exemplo do que representa o fascismo. O ator desenhou a imagem do corpo do ditador italiano após um linchamento. Confira abaixo. 

“Se você está pensando no que dá o fascismo, pergunte para o Benito Mussolini e sua amante Clara”, escreveu ainda o astro. 


A neta do ditador, Alessandra Mussolini, que atualmente é senadora na Itália, imediatamente respondeu Jim Carrey. Primeiro, disse diretamente para o ator que ele é um “bastardo”. 

Depois, citou os ataques do famoso ao presidente norte-americano, Donald Trump. 

“O presidente Donald Trump não precisa se preocupar com os ataques políticos do Jim Carrey, os desenhos dele são apenas papéis sujos”, escreveu a política no Twitter. 

Jim Carrey retorna aos cinemas interpretando o Robotnik em Sonic: O Filme, com lançamento marcado 14 de novembro.