Segundo a Variety, a Universal Pictures ofereceu formalmente a direção de Cinquenta Tons Mais Escuros, sequência de Cinquenta Tons de Cinza, para James Foley.

O cineasta disputava o cargo com Mark Pellington e Tanya Wexler. Foley, que já dirigiu episódios da série House of Cards, deve iniciar em breve as negociações com o estúdio, que procura há vários meses alguém para substituir Sam Taylor-Johnson, diretora do original e que abandonou Cinquenta Tons Mais Escuros após divergências com a autora E.L. James durante as filmagens do primeiro filme.

Dakota Johnson e Jamie Dornan retornam como os protagonistas. Henry Cavill (o Superman do cinema) pode reforçar o elenco como Jack Hyde, rival de Christian Grey (Dornan).


Escrito por Niall Leonard, marido da autora E.L. James, o filme chega aos cinemas em 10 de fevereiro de 2017. Cinquenta Tons de Liberdade fecha a trilogia em 9 de fevereiro para 2018.