Faltando menos de cinco meses para a estreia de Deadpool, Ryan Reynolds relembrou em entrevista ao GQ o quanto este projeto foi significante para ele.

“As câmeras estavam prestes a rodar e eu falei, ‘Não, não, espera aí’. Nós fomos para uma sala, nos reunimos, e eu disse, ‘Nós estamos fazendo esse filme depois de seis anos tentando fazer essa porr*, e aqui estamos. Nós o estamos fazendo agora mesmo. Apenas se lembrem desse momento e levem um segundo para serem gratos por isso’. Então saímos, começamos as filmagens e a diversão”, disse o ator.

Reynolds também apontou as diferenças entre Deadpool e Lanterna Verde, fracasso de crítica e público que estrelou em 2011.


Deadpool foi diferente porque não tivemos um grande orçamento. Não houve essa tremenda responsabilidade de alcançar um determinado resultado financeiro. Esses filmes de super-heróis geralmente têm um orçamento grande e um tanto quanto assustador atrelado a eles. [Deadpool] Teve um orçamento super-razoável, além de ter sido um filme subversivo, um pouco diferente [dos filmes convencionais do gênero]. Para mim, trouxe um pouco de frescor ao mundo das adaptações de quadrinhos. Mas você sempre tem esse receio. Quando você está à frente do filme, você tem receio”.

Diretor diz que filme está cheio de piadas sobre Lanterna Verde

Por sinal, Ryan Reynolds foi questionado sobre o que mudaria sua vida se Lanterna Verde tivesse sido um sucesso de bilheteria.

“Eu acho que provavelmente estaria me preparando agora para Lanterna Verde 3”, respondeu.

Questionado ainda sobre o possível desgaste dos filmes de super-heróis, o ator pondera que “É um gênero. Existem bons filmes de terror e os filmes de terror ruins. Existem boas comédias e comédias ruins. Você deve pensar assim. Não se trata apenas de filmes de super-heróis. Mas eu acredito sim que eles exploram muito arquétipos semelhantes, então eu acho que de certa forma isso passa uma noção de cansaço [do gênero]”, concluiu.

Deadpool, Gambit e X-Men devem ganhar crossover nos cinemas

Deadpool ainda nem foi lançado e já tem sua continuação engatilhada. Em entrevista ao Collider, Simon Kinberg revelou que a Fox já está começando a trabalhar em Deadpool 2leia mais.

Tudo o que você precisa saber sobre o filme

Deadpool, X-Men: Apocalipse e Gambit chegarão aos cinemas em 2016, respectivamente, em 12 de fevereiro, 26 de maio e 6 de outubro.

No longa-metragem, Ryan Reynolds volta ao papel do anti-herói, já vivido por ele em X-Men Origens: Wolverine. A brasileira Morena Baccarin (Copycat), T.J. Miller (Fuinha), Gina Carano (Angel Dust), Brianna Hildebrand (Negasonic Teenage Warhead), Ed Skrein (Ajax) e Andre Tricoteux (Colossus) completam o elenco.

O roteiro foi escrito por Rhett Reese e Paul Wernick, dupla de Zumbilândia. A direção ficou a cargo de Tim Miller.

Ação, palavrões e muita zoeira no trailer legendado

Tudo sobre: Deadpool