Leonardo DiCaprio é um raro exemplo de ator de Hollywood que nunca estrelou sequências de seus filmes. E durante entrevista à Variety para promover o longa O Regresso, o astro explicou por que isso ainda não aconteceu.

“Para mim, cada filme que eu fiz foi sua própria obra de arte individual. Isso não significa que eu não faria sequências de filmes. Alguns dos maiores filmes do mundo, como O Poderoso Chefão, teve sequências – e O Poderoso Chefão 2 foi fantástico. Quando você lê o roteiro, tem um começo e um fim, é difícil imaginar a história sendo ressuscitada de novo”, justificou.

Alejandro González Iñárritu, que dirigiu DiCaprio em O Regresso e também participou da entrevista, brincou com o assunto dizendo estar pronto para tirar a virgindade do seu astro em sequências de filmes.


“Nós estamos planejando O Regresso 2”, brincou.

DiCaprio rolou os olhos, mas respondeu em seguida: “Isso seria divertido. Vamos começar a pré-produção amanhã então”.

DiCaprio diz que quase morreu três vezes

Em entrevista recente, Leonardo DiCaprio admitiu que O Regresso, que lhe garantiu uma indicação ao Globo de Ouro 2016 de Melhor ator, foi o filme mais difícil de sua carreira – leia aqui. O ator revelou ainda que precisou dormir em carcaças de animais durante as filmagens.

Adaptada da obra homônima de Michael Punke, O Regresso se passa no século 19 e conta a épica aventura de um homem por sobrevivência e o extraordinário poder do espírito humano. Em uma expedição pelo desconhecido deserto americano, o lendário explorador Hugh Glass (Leonardo DiCaprio) é brutalmente atacado por um urso e deixado como morto pelos membros de sua própria equipe de caça.

Em uma luta para sobreviver, Glass resiste à dor inimaginável, bem como à traição de seu confidente, John Fitzgerald (Tom Hardy). Guiado pela força de vontade e pelo amor de sua família, Glass deve navegar um inverno brutal em uma incessante busca por sobrevivência e redenção.

Dirigido por Alejandro González Iñárritu (Birdman), o drama de sobrevivência estreia no Brasil em 4 de fevereiro.