Guardiões da Galáxia Vol. 2 segue tendo a resposta esperada pelo público. O longa se tornou o segundo filme a superar a casa dos US$ 100 milhões nas bilheterias dos Estados Unidos em 2017. Atrás apenas de A Bela e a Fera, também da Disney, Guardiões da Galáxia lucrou US$ 145 milhões.

Em Março A Bela e a Fera fechou a primeira semana de exibição em salas domésticas com US$ 174 milhões. Mesmo abaixo do live-action da Disney, Guardiões da Galáxia Vol. 2 conseguiu números acima do mínimo esperado pelas projeções, que era de US$ 140 milhões.

Além dos EUA, o filme também iniciou sua trajetória em vários mercados do exterior, incluindo China e Coreia. Nestes locais o longa lucrou US$ 123 milhões no final de semana. E somando aos outros locais nos quais Guardiões da Galáxia Vol. 2 já está passando, incluindo o Brasil, a produção da Marvel já rendeu US$ 427,6 milhões.


Além disso, o segundo filme de Guardiões da Galáxia deverá se tornar a maior renda de abertura da história do IMAX. Lançado neste final de semana em 1088 telas de 69 mercados, o filme rendeu US$ 25 milhões no total. Sendo US$ 13 milhões apenas nos EUA.

O filme traz de volta o elenco principal do primeiro Guardiões da Galáxia: Chris Pratt (Peter Quill/Senhor das Estrelas), Zoe Saldana (Gamora), Dave Bautista (Drax), Bradley Cooper (Rocket), Vin Diesel (Groot), Michael Rooker (Yondu) e Karen Gillan (Nebula).

Além disso, introduz Pom Klementieff (remake de Oldboy) como a super-heroína Mantis, Kurt Russell (Velozes e Furiosos 7) como o pai de Peter Quill, e Sylvester Stallone como o Águia Estelar.

Guardiões da Galáxia Vol. 2 estreou nos cinemas brasileiros na última quinta-feira (28).