Contém spoiler

Hugh Jackman participou de uma sessão da versão noir de Logan e comentou que chorou na cena em que Logan sacrifica sua vida para salvar a filha, Laura, interpretada por Dafne Keen. Na cena, depois que ela enterra o mutante, ela pega a cruz do túmulo e a transforma num X.

“Quando eu li, pensei que era belo. Parecia poético no script. Quando vimos pela primeira vez, sentei ao lado de Patrick Stewart e nós choramos. Há algo tão paciente e corajoso que deixa tudo culminar em um momento específico”, disse ele.


A ideia do filme voltar para os cinemas pode ter sido impulsionada pelo seu sucesso nas bilheterias. Logan arrecadou US$ 600 milhões pelo mundo, segundo o Box Office Mojo.

Logan, dirigido por James Mangold e protagonizado por Hugh Jackman, alcançou o surpreendente número de 6 milhões de espectadores no Brasil em sua quarta semana em cartaz, além de tornar-se a maior bilheteria da franquia X-Men no Brasil e o terceiro melhor resultado da Fox Film no país.

Crítica | Logan