ATENÇÃO: SPOILERS SOBRE STAR WARS: OS ÚLTIMOS JEDI A SEGUIR

Um dos maiores mistérios de Star Wars: Os Últimos Jedi tratava-se do vilão Snoke. Muitos fãs criaram teorias sobre o personagem, mas todas foram por água abaixo quando o personagem foi morto por Kylo Ren no novo filme da franquia.

Durante uma entrevista ao /FilmCast, o diretor Rian Johnson foi questionado sobre a escolha de matar Snoke e se ele de alguma forma se arrepende disto.


“Muitas coisas acabaram agitando em relação quem era Snoke ou quem são os pais da Rey. Eu obviamente sabia as que essas eram questões que vinham de O Despertar da Força, mas eu não tinha o peso dessas perguntas como os fãs esperavam que fosse. E isso foi bom. […] O que quero dizer, é que o momento foi certo, não é como se eu estivesse ciente dessas expectativas e estivesse querendo brincar com as pessoas, eu estava escrevendo com a minha verdadeira força os mais poderosos eventos que essas respostas poderiam ter” explicou o diretor.

Dessa forma, Johnson demonstra que não acredita que a morte do Snoke tenha sido um de seus arrependimentos e já considerava as reações dos fãs ao escrever o longa.

Star Wars: Os Últimos Jedi estreou nos cinemas em 14 de dezembro de 2018.