ALERTA DE SPOILERS DE GWENPOOL STRIKES BACK #3

A irreverência sempre marcou as histórias de Gwepool, mas sempre houve um lado sombrio no humor da personagem.

O conceito por trás de Gwenpool é que ela é uma fã de quadrinhos do mundo real que foi transportada para o Universo Marvel 616.


Armada com conhecimento das tradições das HQs, ela se tornou uma super-heroína para se manter “viva”, em vez de uma personagem paralela ou capanga sem nome que costuma ser morta.

Indo um passo adiante, Gwenpool finalmente considerou que a melhor maneira de se manter viva não era apenas ser a personagem principal, mas também ser a mais popular entre os leitores.

Ao entender o modelo básico de negócios por trás dos quadrinhos, ela descobriu algo que é mais importante do que banalidades moralistas: dinheiro. E, a melhor maneira de manter o dinheiro fluindo, segunda ela, é sendo uma vilã.

Gwenpool sabia que não podia simplesmente ser outra vilã, mas tinha que tentar se tornar a maior de todos os tempos, e ela tem esse poder.

Embora a personagem não tenha super poderes comparados aos dos grandes personagens, sua consciência metaficcional sempre dava a ela uma vantagem sobre seus compatriotas mais poderosos.

Depois de explorar ainda mais essa consciência, Gwenpool finalmente descobre uma “capacidade de flashback”, na qual ela pode reescrever a história da Marvel simplesmente se referindo a algo como tendo acontecido anteriormente.

Na última edição de Gwenpool Strikes Back, ela demonstra essa capacidade construindo uma ilha enorme para servir como uma arena de gladiadores para os maiores heróis da Marvel, prometendo que dará parte do dinheiro de Tony Stark ao vencedor.

Tanto a construção da ilha quanto o dinheiro de Stark têm suas origens nas referências improvisadas que ela fez nos flashbacks, e o próprio Tony observa que não se lembrava de lhe dar o dinheiro.

Mas nenhum dos heróis leva Gwenpool a sério. Aqueles que a encontraram antes sabem que ela não é realmente uma vilã, então, para demonstrar sua suposta vilania, ela atira na cabeça de Bruce Banner, aparentemente matando o Hulk.

O Hulk aparece de volta, como tem sido corriqueiros nos quadrinhos, mas ele se aproxima de Gwenpool, pronto para um confronto.

Dadas suas poderosas habilidades metaficcionais, ela pode ser a única força que o herói enfrentou que realmente poderia derrubá-lo, mas cabe a próxima edição mostrar se ela está realmente disposta a terminar a luta de maneira tão decisiva.

Gwenpool Strikes Back #3 já está a venda nas bancas de quadrinhos norte americanas.