Nem só de filmes dos anos 1980 vivem as referências de Stranger Things. Os irmãos Matt e Ross Duffer deram nova entrevista para o IGN e contaram que pelo menos alguns de seus games preferidos tiveram influência na criação da série da Netflix.

“Silent Hill é o mais óbvio, muita gente pegou essa referência. O mundo de ponta-cabeça tem muita névoa e a floresta que escorre. Tiramos isso se Silent Hill”, contou Ross.

“Há algo de Dark Souls também. Quando você joga Dark Souls, parece que você está imerso naquele mundo, é algo com as imagens e o design de som, te deixa desconfortável e na ponta da cadeira. Com o mundo de cabeça para baixo, queríamos provocar a mesma sensação”, completou Matt.


Segunda temporada será ainda mais estranha e sombria, diz criador
Intérprete de Onze raspa a cabeça para a série em vídeo
Criadores falam de possível retorno de personagens mortos
Stranger Things supera Demolidor e House of Cards em audiência

A Netflix ainda não oficializou a segunda temporada, embora já tenha demonstrado interesse em mais episódios de Stranger Things. Recentemente, a rede justificou a demora na renovação, afirmando que a série “precisa de um tempo para respirar” – leia aqui.

“A Netflix seria burra se não renovasse a série”, diz CEO da Netflix

Uma declaração de amor aos clássicos sobrenaturais da década de 80, Stranger Things se passa justamente nessa década, em Hawkins, Indiana, e conta a história da busca por um garoto que desapareceu sem deixar rastros e em circunstâncias suspeitas. Sua mãe (Winona Ryder) pede às autoridades locais o início das investigações do desaparecimento, que vai revelar uma série de mistérios envolvendo experimentos ultrassecretos do governo, forças sobrenaturais aterrorizantes e uma garotinha muito estranha.

Crítica | Stranger Things é um “sessão da tarde” com história eletrizante
Stranger Things | As 15 maiores referências da série a clássicos do cinema
Stranger Things e mais séries de mistério para assistir na Netflix

Os oito episódios da primeira temporada de Stranger Things foram disponibilizados em 15 de julho na Netflix.