CONTÉM SPOILERS

Na estreia da oitava temporada de Game of Thrones, Jon Snow finalmente descobre sua filiação: seu amigo, Samwell Tarley, informa que seus pais são Rhaegar Targaryen e Lyanna Stark, o que o torna o legítimo herdeiro do Trono de Ferro – e também significa que sua amante Daenerys é sua tia.

Em entrevista com a EW, o ator de Game of Thrones, Kit Harington, revelou o que Jon pensava enquanto recebia as chocantes e perturbadoras notícias.


“Se Jon pudesse retornar no tempo, ele diria, ‘Não me diga o que está prestes a dizer’. Ele ficaria feliz em não saber”, disse.

A reação de Jon não chega a ser surpreendente para o público, mas ele fica um pouco mais irritado do que se pensava.

“Jon não faz coisas muito inesperadas. Você marca as cenas particularmente complicadas nas quais se concentra e esta foi uma delas. Ele descobre uma informação importante. Ele não apenas descobre quem é sua mãe, mas também que é parente da pessoa por quem está apaixonado. É difícil para qualquer ator. Não é apenas um longa de duas horas, mas oito temporadas interpretando um personagem que está se descobrindo.”

Harington observa que Jon está bastante enfurecido com esta notícia e lutando para se conter.

“As pessoas já sabiam disso, então não é um choque para eles. Com Jon, é o que ele pensa, ‘Está me dizendo que meu pai mentiu para mim? O homem mais honrado que conheci na vida?’. Nesse momento, Samwell não é nada para ele. Jon o rejeitaria e o espancaria se estivesse mentindo. Ele é bastante ameaçador: ‘Se está me dizendo isto, é melhor estar certo, porque se estiver me enganando…’ Acho que essa é a melhor maneira de interpretar a cena.”

Game of Thrones está em exibição na HBO.