The Walking Dead já matou vários personagens desde os seus primórdios e até mesmo Rick quase morreu. O produtor executivo da série recentemente revelou que Carol, inclusive, quase não passou da terceira temporada.

Em entrevista a Gil Macias, do Looper, Scott Gimple falou sobre Carol quase ter sido morta na série, algo que, obviamente, acabou não acontecendo.

“Acho que quase fizemos isso bem cedo – na terceira temporada. Tiveram investigações sobre matar Carol”.


“Eu adoraria olhar alguns velhos emails, ou algo assim”, disse o produtor. “Naquele ponto, as pessoas estavam morrendo e morrendo e a série estava fazendo bastante barulho por isso”.

Gimple ainda revelou que foi terminantemente contra essa ideia de matar Carol, o que favoreceu bastante a série a longo prazo.

“Essa ideia avançou bastante e eu fui muito contra isso, porque enxerguei sua jornada como sendo a de alguém oprimida pelo ex-marido, até se tornar uma guerreira”, continuou o produtor.

Novas séries

The Walking Dead acabará na 11ª temporada. Esse fim da série principal é o que leva até a uma série antológica, Tales of the Walking Dead, e outra derivada.

O amado personagem Daryl, de Norman Reedus, estará nesse segundo projeto. A trama será estrelada ao lado de Carol, interpretada por Melissa McBride.

A série de The Walking Dead está em desenvolvimento, com lançamento marcado para 2023. O mesmo vale para Tales of the Walking Dead.

Do outro lado, no cinema, a trilogia de filmes de Rick continua sendo uma prioridade. A distribuição ficará por conta da Universal Pictures, mesmo estúdio de Velozes e Furiosos e Jurassic World.

Portanto, o “cancelamento” de The Walking Dead está mais para uma mudança de planos, que busca revitalizar a franquia, dando fim a uma era e começo a outra. Esse universo compartilhado continuará mais vivo do que nunca.

The Walking Dead volta com os capítulos finais da 10ª temporada em 2021.