A Netflix anunciou oficialmente que no quarto trimestre de 2020, a plataforma ganhou mais 8,5 milhões de assinantes. Com isso, o serviço de streaming ultrapassou a marca de 200 milhões de assinantes ao redor do mundo.

Isso representa um crescimento de 21% em 2020. A Netflix especula que ao término do primeiro trimestre de 2021, ela terá passado de 209 milhões de assinantes.

Isso mantém a Netflix como o serviço de streaming mais popular do mundo e os únicos que chegam perto são a Amazon Prime Video, com 150 milhões de assinantes e a Tencent Video, da China, com mais de 120 milhões.


O Disney+, por sua vez, ultrapassa 86,8 milhões de assinantes mundialmente. Por ter apenas um ano de vida, aproximadamente, é um número impressionante.

A plataforma da Walt Disney Company, contudo, tem uma grande limitação em relação à Netflix. Não há nada em seu catálogo exclusivamente para o público adulto. Tudo fica na faixa do PG-13 (recomendado para maiores de 13 anos).

O próprio CEO da Netflix, Reed Hastings, que elogiou o lançamento do Disney+ e considera a plataforma como uma boa competidora da Netflix, está ciente dessa limitação da concorrente.

Citando Bridgerton, série de época da Netflix, Hastings disse que o catálogo da Netflix é mais diverso por ter conteúdo para crianças e adultos. “Não acho que você verá isso na Disney tão cedo”.

Um análise de dezembro (via Patrick Cavanaugh, do ComicBook) aponta que se o Disney+ continuar expandindo no ritmo atual, ele pode passar os números de assinantes da Netflix em 2022.

Série bate recorde na Netflix

Uma das séries estreantes da Netflix conquistou algo impressionante: superar a audiência de Stranger Things nas suas quatro primeiras semanas.

O seriado francês Lupin, estrelado por Omar Sy, deve ser visto por 70 milhões de assinantes nos seus primeiros 28 dias, projeta a Netflix. A informação é de Georg Szalai, do THR.

Segundo a companhia, a série já é líder de audiência em diversos países, incluindo o Brasil, Vietnã, Argentina, Alemanha, Itália, Espanha e muitos outros.

Em comparação, a terceira temporada de Stranger Things, que foi a mais assistida do popular seriado, foi vista por 64 milhões de assinantes nos seus primeiros 28 dias.

A Netflix considera que a pessoa assistiu a série se ela tiver visto ao menos 70% de um dos seus episódios.

Lupin está disponível na Netflix.